Vacina contra meningite meningocócica B já está disponível no Brasil

Desde maio deste ano (2015), a vacina que protege contra a meningite meningocócica do tipo B está disponível nas clínicas particulares brasileiras.

Até o momento não existia nenhum tipo de imunização contra o tipo B da meningite meningocócica, considerada de grande letalidade por conta da rápida evolução do quadro clínico após a infecção.

Produzida pela GSK e aprovada em janeiro de 2015 pela Anvisa, a BEXSERO (nome comercial) é indicada a partir dos dois meses e pode ser aplicada até os 50 anos.

O meningococo B é um dos principais causadores de meningite bacteriana no mundo. A enfermidade é considerada traiçoeira uma vez que seus sintomas são facilmente confundidos com os de uma virose, por exemplo. O paciente, a princípio, pode ter febre, náusea, vômito, dor de cabeça, cansaço e irritabilidade. Na sequência, pode apresentar manchas arroxeadas na pele, rigidez na nuca e septicemia.

Segundo o Infectologista da São Carlos Vacinas, Dr. Roberto da Justa, a nova vacina contra meningite meningocócica B também traz um diferencial. “Trata-se de uma vacina produzida através de uma tecnologia diferente das demais disponíveis para prevenção contra meningite meningocócica. Nesta vacina mais atual os componentes são produzidos a partir da técnica de DNA recombinante e são capazes de induzir anticorpos contra proteínas que ficam embaixo da parede celular da bactéria”, enfatiza Roberto da Justa.

A vacina contra meningite meningocócica B (Bexsero) já está disponível na São Carlos Vacinas. Maiores informações sobre a vacina no link Meningocócica B

Share